segunda-feira, 19 de julho de 2021
Nada Pop

“Se existe uma trilha sonora na minha vida, essa trilha é o punk”, diz Christian Targa

O Preço - Foto: Rogério Borges

O Preço – Foto: Rogério Borges

Os últimos anos foram realmente intensos na carreira de Christian Targa, conhecido como Gordo. Após o término do Blind Pigs, depois de desentendimentos com o vocalista Henrike, a banda encerrou as atividades em 2016.

Em seguida, Gordo começou uma nova banda, chamada O Preço, que estreou em 2019 com um elogiado álbum e que chegou a ficar entre os melhores lançamentos daquele ano na lista divulgada pelo Nada Pop.

Já em 2021, em recente divulgação pela gravadora Hearts Bleed Blue (HBB), o Blind Pigs ressurge com um novo álbum de inéditas, que irá sair em CD e LP de dez polegadas, intitulado “Lights Out”.

A notícia parecia demonstrar a volta da banda, mas antes de qualquer especulação, o próprio Henrike fez questão de deixar claro de que se trata apenas de um trabalho póstumo.

“Espero que a Legião de Inconformados goste, porque esse disco é um tributo a eles, eles mereciam escutar o último testamento dos porcos cegos”, diz.

Além do novo lançamento do Blind Pigs, também está previsto para o mês de fevereiro o lançamento de “Sonhos da Televisão”, um compacto de sete polegadas com duas músicas novas da banda O Preço. Este novo trabalho será lançado pelos selos Detona Records, Vertigem Discos e Neves Records.

“O novo do Preço vem com duas músicas, da mesma sessão do primeiro disco. Estavam prontas e guardadas para lançar desde 2019. Foram produzidas pelo mesmo time: Fabio Yamamoto e Atila Ardanuy, com masterização para vinil feita pelo nosso saudoso amigo e parceiro, Bruno Pompeu”, explica Gordo.

Sobre o lançamento do novo álbum dos Porcos Cegos, questionamos se poderia significar um possível retorno da banda. O Gordo comenta que na época “ficou um bom tempo sem conversar” com os outros integrantes. Porém, “o tempo agiu e a razão e a resiliência entre os envolvidos fez cada um ceder em um ponto, e isso ajudou a começar a superar as situações do passado, em prol do legado da banda”.

O guitarrista destaca que o lançamento “era previsto há cinco anos, desmembrado em vários lançamentos diferentes. Mas o tempo passou e todas as faixas estão saindo no mesmo álbum, mas a intenção não é voltar a tocar”.

No caso de “Lights Out”, esse é um lançamento em parceria dos selos HBB, Detona RecordsNeves Records.

O punk como trilha sonora

Além de integrar o Blind Pigs e O Preço, Gordo também possui o projeto com a banda Surf Aliens, com músicas no estilo surf-garagem e instrumental. Com mais de 25 anos de história na música, o Gordo celebra os lançamentos em vinil como alguns dos melhores momentos de sua carreira.

“Se existe uma trilha sonora na minha vida, essa trilha é o punk rock! Eu tive muitos momentos importantes e inesquecíveis com as três bandas, sempre uma emoção nova a cada novo lançamento, a cada desafio, cada conquista. Considero as prensagens em vinil os momentos mais gratificantes, poder ter material em vinil das três bandas é um privilégio, é foda demais”, diz.

No dia 20 de fevereiro, às 20h, O Preço participa de uma live na Mutante Rádio. Será a primeira Superlive Mutante & Bode Preto, com transmissão pelo canal da banda no Youtube e também na página da Mutante, no Facebook.

Neste momento de pandemia, onde as bandas não podem se apresentar ao vivo, as lives se tornaram uma alternativa importante para muitas bandas. “Sim, as lives são uma boa forma de propagar nossa música, uma boa alternativa para suprir a falta de shows que o músico sente. Já dizia a frase, ‘a gente vai onde o povo está’. Precisamos disso, de reações na nossa frente, as lives não nos proporcionam isso, mas suprem parte da vontade de tocar”, completa.

Por fim, questionado sobre o que mais ouviu durante a quarentena, Gordo mandou um papo direto sobre a atual situação no Brasil.

“O que eu mais ouvi na quarentena foram pessoas completamente perdidas e envenenadas por boatos e fake news. Vi muita maldade nos que se dizem de bem, vi muita tristeza no olhar das pessoas, sem ter de onde tirar um sustento, sem trabalho, mas também vi muita solidariedade, o que me faz manter a fé na humanidade. Que época do caralho, mas ainda existem pessoas boas no mundo. Quanto na música, muito jazz, muito blues, muito punk rock de várias vertentes, muito surf music e muita moda de viola”, conclui em risos.

Para garantir a sua cópia de “Lights Out” em CD e vinil acesse: hbbrecords.com/blindpigs

Adquira o lançamento de estreia da banda O Preço na Vertigem Discos: vertigemdiscos.com.br

Os discos do Blind Pigs e os discos d’O Preço também podem ser adquiridos na Detona Records: detonarecords.com.br

**********

Aproveitando, o Nada Pop está com uma campanha no Apoia-se. Contamos com o seu apoio para continuar esse trabalho. É possível contribuir com qualquer valor a partir de R$ 1 real. Junte-se a nós: https://apoia.se/nadapop.

Gostou desse Post? Compartilhe!

Sobre o autor

Jornalista, editor e fundador do Nada Pop. Um dos organizadores do tributo ao SUB e apresentador do podcast Arte Inflama. Siga no Instagram: @nxdapop

1 Comentário

  1. Zé Luiz Lima disse:

    Os discos do Blind Pigs e os discos d’O Preço também podem ser adquiridos na Detona Records.
    http://www.detonarecords.com.br

Deixe seu comentário