sábado, 27 de fevereiro de 2021
Nada Pop

As sessions internacionais mais interessantes de 2020-2021

IDLES - Foto: reprodução

Em 2020, o ano da pandemia do novo coronavírus, as sessions tiveram um papel fundamental no mundo da música. Diversos artistas por todo o planeta continuaram executando as suas apresentações e transmitindo para centenas ou milhares de pessoas de forma online. O que já era algo comum em alguns lugares do mundo, essas apresentações ganharam ainda mais força e peso no meio da pandemia.

É claro que o nível de qualidade – tanto de imagem e som – pode mudar conforme cada região, mas não é difícil apostar no crescimento dessas apresentações virtuais em 2021. Já que 2021 parece uma parte dois do que vivemos no ano passado.

Como não é possível falar de todas as apresentações que assistimos em uma única publicação, vamos começar com as sessions internacionais que mais nos chamaram atenção. Esperamos que vocês gostem.

Emma Ruth Rundle

Em setembro de 2019, Emma Ruth Rundle se apresentou na sede da Highway Holidays. Na época, a sessions contou com músicas do seu quarto álbum solo, intitulado “On Dark Horses” e lançado pela Sargent House.

A sessions foi divulgada no canal da Highway Holidays em abril do ano passado. São 12 minutos de uma apresentação intensa de post-rock/ alternativo. Vamos considerar a data de lançamento, pois entre a gravação e a divulgação do vídeo existem diversos processos de pós produção envolvidos.

METZ

A KEXP é uma rádio pública localizada em Seattle, nos EUA. É especializada em rock alternativo e indie e possui uma excepcional qualidade na produção de suas sessions. Centenas de bandas/ artistas já se apresentaram no programa e o registro dessas apresentações estão todos no canal do programa no YouTube.

Um desses incríveis registros foi o da banda canadense METZ, de noise rock/post-hardcore. Uma paulada do começo ao fim. Devido a pandemia, esse registro foi feito em dezembro de 2020, no estúdio Palace Sound, em Toronto, no Canadá.

Rarity

Outra apresentação de uma banda canadense muito interessante. Com origem em 2014, Rarity traz um post-hardcore melódico que poderá agradar bastante aos fãs do estilo. O EP de estreia do grupo foi lançado em 2015.

Essa apresentação está disponível desde janeiro de 2020 no canal da Sunrise Records, uma rede canadense de lojas de discos e fundada em 1977.

IDLES

A banda britânica praticamente dispensa comentários. Já conhecidos no cenário internacional, IDLES compartilhou essa apresentação, gravada no Abbey Road Studios, na Inglaterra, exclusivamente para a KEXP. O vídeo foi disponibilizado em outubro do ano passado.

The Anti-Queens

The Anti-Queens é uma banda punk de Toronto, no Canadá. A apresentação desse grupo feminino aconteceu na sede da Sunrise Records, sendo lançado em junho de 2020.

Slow Pulp

Em dezembro do ano passado, a KEXP lançou em seu canal a apresentação da Slow Pulp. A banda americana de indie rock traz uma carga mais delicada em suas composições, mas não deixa de ser agradável ouvi-los. Uma das coisas interessantes nessa apresentação é que a câmera passeia entre os músicos. Ouvi bastante para dar uma acalmada em dias intensos.

Alicia Keys

Entre as centenas de apresentações no canal da NPR Music, um dos que chamou bastante atenção foi o da Alicia Keys. Gravado em fevereiro de 2020, ele foi lançado meses depois, em junho.

Como bem diz o resumo no vídeo, Alicia Keys é uma dessas artistas com uma aura diferente. É impossível passar despercebido por ela e essa apresentação, gravada em um período pré-pandemia, só nos revela que shows como esse – infelizmente – demorarão muito para voltar. Diversos músicos ao seu lado, um público cativo assistindo e um clima de descontração muito bonito de se ver.

A NPR Music é um projeto da National Public Radio, uma organização de mídia americana sem fins lucrativos, com financiamento público e privado, que foi lançada em novembro de 2007.

Uma outra apresentação na NPR Music que vale a pena assistir é de Hobo Johnson. Por ser de 2018, não coloquei nessa lista. Essa foi uma indicação (entre outras) do Gui Trento, da Motim Records. Obrigado Gui! Assista clicando AQUI.

Fontaines D.C.

Num bela tarde de quinta-feira, um dia daqueles estranhos, Letícia (nossa editora aqui no Nada Pop) compartilha comigo o clipe de “I Don’t Belong”, da banda irlandesa Fontaines D.C. Nunca mais deixei de ficar ligado nesse grupo, então não se surpreenda se a gente falar mais vezes de Fontaines no futuro.

Essa é mais uma apresentação exclusiva para KEXP, gravado em Londres, no NEKO Trust.

Harry Styles

Harry Styles é uma figura bastante carimbada no mundo do entretenimento. Cantor, compositor e ator, esse inglês que irá completar 27 anos em fevereiro, é dono de alguns hits conhecidos mundialmente. Mas afinal, o que esse cara do mundo pop está fazendo aqui nessa lista? Bom, para começo de conversa a gente destaca novamente o clima pré-pandemia desse vídeo, gravado em fevereiro de 2020 e lançado um mês depois no canal da NPR Music.

Já em segundo lugar, sempre é interessante ver como músicas pop são apresentadas em suas versões acústicas, sem aquelas roupagens de estúdio com diferentes efeitos e instrumentos. E quer saber? Foi uma apresentação muito interessante e nada empacotada como poderia ser. Vale a pena assistir e dar uma pausa de quase 20 minutos de atenção.

NOFX

Que o NOFX é uma das bandas punks mais malucas de todos os tempos, bom, isso todo mundo sabe. Essa apresentação, registrada em setembro de 2020, aconteceu na casa do Fat Mike. Uma hora de apresentação que já conta com mais de 1,4 milhão de views. A verdade é que não parece que os caras estão no meio de uma pandemia. Parece mais que os caras estão num churrasco, em pleno final de semana e fazendo um som entre amigos.

Radiohead

Essa aqui é apenas uma menção honrosa. Essa sessions do Radiohead foi lançada originalmente em 2008, batizada de “In Rainbows From the Basement”. No entanto, em junho do ano passado, eles “subiram” essa apresentação novamente no canal deles no YouTube. Para os fãs de Radiohead, essa apresentação sem dúvida é histórica e incrível. Thom Yorke e banda no auge da carreira e afiadíssimos juntos. Vale a pena ver (ou rever).

**********

Aproveitando, o Nada Pop está com uma campanha no Apoia-se. Contamos com o seu apoio para continuar esse trabalho. É possível contribuir com qualquer valor a partir de R$ 1 real. Junte-se a nós: https://apoia.se/nadapop.

Gostou desse Post? Compartilhe!

Sobre o autor

Maurício Martins

Jornalista, editor e fundador do Nada Pop. Um dos organizadores do tributo ao SUB e apresentador do podcast Arte Inflama. Siga no Instagram: @nxdapop

1 Comentário

Deixe seu comentário