sexta-feira, 28 de julho de 2017
Nada Pop

Mini documentário sobre o festival TinguáThrash mostra como a força entre bandas faz diferença para o cenário independente

No dia 24 de setembro de 2016 foi realizado o primeiro TinguáThrash, evento organizado pelo Coletivo Refuse Resist no Bar do Pixoca, em São Bernardo do Campo – ABC paulista. A produtora Insanidade Filmes colheu alguns depoimentos em torno do evento questionando problemas do underground local, tratando de assuntos como machismo, tecnologia, envolvimento cultural, valorização das bandas, falta de público, entre outros assuntos pertinentes para o cenário independente e o próprio envolvimento social e cultural na região.

Assim como o vídeo mostra a importância do underground na vida de algumas pessoas, o documentário também revela a importância das pessoas na vida do underground. Assista acima e compartilhe.

No próximo sábado, 4 de março, acontece a 2º edição do TinguáThrash com a participação das bandas Surra, Cerberus AttackACBCursed Slaughter. Todas as informações estão logo abaixo, além do link para confirmar sua presença no evento.

TinguáThrash II

Quando: 4 de março (sábado)
Onde: Pixoca’s bar – Rua Pedro Setti, 162. Próximo do Terminal Ferrazópolis, em São Bernardo do Campo.
Horário: a partir das 16h
Entrada: contribuição voluntária, ou seja, você paga o quanto quiser e se quiser. Mas lembre-se, sua ajuda é importante para continuidade e crescimento do evento.
Bandas: Surra (Santos), Cerberus Attack, ACB e Cursed Slaughter
Mais informações acesse: http://migre.me/w9QXP

Gostou desse Post? Compartilhe!

Sobre o autor

Maurício Martins

Baixista da banda Luta Civil, jornalista, pai da Maria Stella e fã de quadrinhos e ficção científica (não necessariamente nessa ordem). Também é idealizador do Nada Pop.