domingo, 20 de agosto de 2017
Nada Pop

Krias de Kafka lança campanha de financiamento coletivo para seu novo álbum

Krias de Kafka – Foto: divulgação

Deserto Sem Extraterrestres é o título do novo álbum do Krias de Kafka, tão aguardado por muitos (que assim como eu) não veem a hora de conhecê-lo. No entanto, como o mundo é capitalista e financeiramente ordinário em questões de arte, principalmente no cenário independente, a banda lançou uma campanha de financiamento coletivo para conseguir arrecadar grana necessária para a prensagem do disco. O esquema te mostro abaixo.

Trata-se, no final das contas, de uma pré-venda de um kit que contará com álbum físico, uma camiseta preta (no tamanho que você escolher) e adesivo no valor total de R$ 40 golpes reais.

Os caras precisam de apenas 50 amigos/apoiadores/colegas/camaradas de som e de cruz para terminarem o álbum. Para contribuir com a banda basta acessar a página do grupo no Facebook (AQUI), entrar em contato inbox e eles contam pra você como pode ser feito o depósito bancário ou entrega da grana pessoalmente.

Krias de Kafka divulgam o nome do novo álbum: Deserto Sem Extraterrestres

Pessoas de outras cidades e estados (os caras são do ABC Paulista) também podem (e devem!) participar. Frete e formas de entrega também serão combinadas com a banda. Vale citar que, para todos os participantes dessa empreitada, após a confirmação do pagamento, também irão receber ~como uma prévia do disco~ uma faixa do álbum para audição, como eles mesmos disseram, “para não mergulharem no deserto completo da sandice da Krias de Kafka”.

Acima, como já deve ter percebido, está a imagem de capa do álbum Deserto Sem Extraterrestres. Recomendamos mesmo antes de ouvir o disco. Nós também vamos participar dessa sandice! Ouça abaixo o álbum “O Mundo Não Acaba Nunca”, lançado em 2012 e que continua tão atual e forte quanto hoje.

Gostou desse Post? Compartilhe!

Sobre o autor

Maurício Martins

Baixista da banda Luta Civil, jornalista, pai da Maria Stella e fã de quadrinhos e ficção científica (não necessariamente nessa ordem). Também é idealizador do Nada Pop.