sexta-feira, 19 de outubro de 2018
Nada Pop

Festival Rockerama – Resenha dos shows

Texto por Leandro Franco

Tive a oportunidade de cobrir o segundo dia do evento Rockerama que teve como atração principal a banda sueca The Go Getters. Mas é claro que antes disso haveria a apresentação de diversas bandas nacionais de gabarito para abrilhantar ainda mais o evento, além da discotecagem do amigo Wagnão, que é um dos principais DJ’s do meio rockabilly.

A abertura da festa ficou por conta da banda ROBERTO TERREMOTO E OS ABALOS SÍSMICOS, que foi cativando o público que aos poucos chegava ao Clube Ipê, no Ibirapuera. No meio do show a pista de dança já estava dominada por casais de rockers ao som de Roberto e sua trupe, acompanhados dos slaps de Toddy Rabecão no baixo acústico.

Alex Valenzi & the Hideaway Cats

ALex Valenzi and The Hideaway Cats – Foto por Feeh Page

Um show contagiante que resgatou o rockabilly cantando em português com letras divertidas . Da mesma escola de bandas como Coke Luxe e Grilos Barulhentos. Inclusive com uma música feita em homenagem ao saudoso Eddy Teddy (Coke Luxe). Destaque também para a baterista Camila Lacerda, representando as mulheres no rockabilly.

A noite seguiu com muita música, num clima de confraternização. A segunda atração a se apresentar foi a banda RUN DEVIL RUN, na qual conta com Luiz Teddy nos vocais (filho do Eddy Teddy), Ronaldo Passos (Inocentes) na guitarra, Alexandre Rito na bateria e um competente baixista que não lembro o nome agora (me perdoem).

A banda se destaca pela acidez das letras, pela guitarra estilo Link Wray e a performance endiabrada de Luiz Teddy. Impossível ficar parado! Para os fãs do estilo Teddy Boy, uma das melhores bandas no Brasil, talvez a única nessa pegada.

rockerama_feminino

Lady Cat (esquerda), da banda Lady Cat and The Tramps, e Camila Lacerda (direita), da banda Roberto Terremoto e os Abalos Sísmicos. Fotos por Feeh Page

A terceira banda foi LADY CAT AND THE TRAMPS. Grupo que conta com os vocais de Larissa Montagner, uma das idealizadoras do evento. Rockabilly tradicional nervoso cantado em inglês com uma cozinha impecável. Entre sons autorais e covers escolhidos a dedo, Lady Cat sacudiu o Clube Ipê. A banda conta com Vince na guitarra, Renan France no baixo acústico e Teles na bateria.

ALEX VALENZI AND THE HIDEAWAY CATS foi a penúltima banda a se apresentar. Uma das especialidades de Alex é o boogie woogie, estilo que consagrou Jery Lee Lewis nos anos 50’s. Vale lembrar que Alex é amigo de Jerry e já teve a oportunidade de abrir alguns shows para o “The Killer”. O show dispensa comentários pois é devastador. Se você diz gostar de rock, então seu lugar é num show do Alex.

run_capa

Run Devil Run – Foto por Feeh Page

As pessoas se aglomeravam no Clube Ipê, e eis que é anunciada a atração internacional da noite: THE GO GETTERS.

Sinceramente, é muito talento para poucas palavras. O que chama muita atenção é o fato do vocalista Peter Sandberg tarmbém ser o baterista. A questão mesmo é saber como o cara faz todas aquelas estripulias na bateria sem perder o ritmo e cantar ao mesmo tempo.

O show dos caras é uma aula de neorockabilly com sons autorais e releituras de grandes nomes da década de 50, tais como, Buddy Holly, Eddie Cochran, Gene Vincent, etc.

Sem contar, sons do Ramones e Undertones.

Os caras cativaram o público tanto pelo som, como pela humildade. A banda foi acompanha pelo baixista brasileiro Paulo Sonny (ex-Crazy Legs).

The Go Getters 2

The Go Getters – Foto por Feeh Page

Era possível encontrar entre o público presente os caras da banda JETS, atração do dia anterior, que no final do show do Go Getters subiram ao palco para entoar um belíssimo doo wop que fez muitos rocker chorar feito criança.

Somente boas lembranças deste grande evento. Um passarinho me contou que a próxima festa será com a banda inglesa Crazy Cavan e o mestre pica das galáxias do rockabilly, Robert Gordon. Mas só especulações por enquanto, nada oficial. Um passarinho me contou…

Gostou desse Post? Compartilhe!

Sobre o autor

Nada Pop

Nada Pop é um espaço sobre punk, hardcore e alternativo.

%d blogueiros gostam disto: