segunda-feira, 11 de dezembro de 2017
Nada Pop

Distúrbio Feminino promove segunda edição de festival de música e artes

disturbio_feminino_flyerA segunda edição do festival do Distúrbio Feminino vem do jeito que a gente gosta: bandas incríveis, mulheres classudas, empoderadas e que fazem o que querem!

Os amps vão estar no talo pra receber as grrrls:

16h30: Letty em sua primeira apresentação em SP com banda nova e completa!!! Garage punk getcrazy com o delineador bem feitinho!

18h30: Bertha Lutz comemora 10 anos de riotagem com várias novidades! De BH a SP, trazendo muitas histórias e HC!!!

19h30: Reunião extra-ordinária das Framboesas Radioativas para viajar nas linhas (post)punk nonsense criadas pelas mentes inquietas de duas Marinas e uma Amanda.

20h30: Trash No Star trazendo pra SP o que o RJ tem de melhor em termos de Girls Go To Mars Become Rockstars! Punk/Riot Grrrl pra divertir e fortalecer!!! www.trashnostar.bandcamp.com

As picapes vão pegar fogo com sons selecionados a dedo pelas minas do Feminine Hi-Fi, festa que agrega as mulheres do soundsystem paulistano! Reggae, dub, ska, rocksteady e quetais em vinil, direto da coleção (e do coração) dessas ladykillers!

Tem fala da Bah Lutz (vocalista do Bertha Lutz) sobre o trabalho Riot Grrrl Brasil: memória, registro e afeto, considerado um dos primeiros livros produzidos e voltados para o movimento em território nacional. Bárbara é a pesquisadora e autora, e traz em detalhes como foi a construção da obra, feita de maneira colaborativa com depoimentos de várias minas pelo país.

Nas paredes, a queda do patriarcado retratada com deformidade e asco na expo de pinturas “Identidade”, de Priscilla Fernandes.

Espalhadas pela casa, banquinhas com materiais diversos e rangos finíssimos completam a festa. Livros, zines, discos, bonecos, joias, bordados feministas e uma variedade de trampos incríveis – tudo feito por garotas!!!

Bertha Lutz - Foto: Bruna Ribas

Bertha Lutz – Foto: Bruna Ribas

:: TODO o catálogo do selo carioca Efusiva com zines, cds, artes, adesivos e diy feminino de montão!
:: Bonecos supermegafofos para quem adora memorabilia cult pela Voodoo de-coração!
:: Garimpo e achados raros de joias da L’oiseau Acessórios Vintage!
:: Bordados para a riotêra que existe dentro de cada uma com as peças lindas do Open Eye Collective!
:: Livros e roupas da Clara Averbuck, do Lugar de Mulher!
:: Girls Rock Camp Brasil com bazar beneficente ao acampamento de 2017 com camisetas, bolsas e docinhos!

Na cozinha, experimentos do Bread Flag, feitos por Aline Soliani, são a larica perfeita. O cardápio tem lanches, empanadas e chilli (tradicionais e veganos) artesanais e com preços entre R$8 e R$25.

Isso tudo + vc = incrível!
Empodere a si e a todxs.
Venha somar ♥

Arte por Framboesas Radioativas

2º Distúrbio Feminino Fest
23 de julho
Associação Cultural Cecília
Rua Vitorino Carmilo, 449
Santa Cecília – SP (metrô Marechal Deodoro)
A partir das 15h
R$10 (dinheiro/débito)
Classificação livre
Link do evento no Facebook: http://migre.me/ukDm8

O Distúrbio Feminino é uma plataforma de empoderamento feminino através das artes, com foco na produção nacional mas de olho no mundo todo.

Gostou desse Post? Compartilhe!

Sobre o autor

Mariângela Carvalho

Mariângela Carvalho tem insubordinação crônica e vive a utopia de que um dia tudo isso fará sentido.