sábado, 26 de Maio de 2018
Nada Pop

Coletânea Motim Records Vol. I

Coletâneas são excelentes para propagar bandas e disseminar um pouco do que acontece de atual em nosso cenário ou no cenário de um determinada região. Seja o álbum lançado de forma física ou digital, é sempre bacana (re)descobrir bandas e se identificar nem que seja com apenas um ou dois sons.

No caso da Motim Records, que lança sua primeira coletânea, temos logo de cara uma demonstração clara de qualidade, começando pela arte de capa, assinada pelo Daniel “Ete”, sim! Baixista das bandas Muzzarelas e Drakula, além de ilustrador fodasso e que já trabalhou com várias bandas e selos. O caipira zumbi dá capa já dá uma ideia do significado da coletânea. A Motim Records traz uma série de bandas vindas do interior incluindo alguns convidados.

cover back

Mas quem está na coletânea?! No total são 20 bandas/artistas, confira a lista: Labataria (Campinas-SP), Sallys Home (Jundiaí-SP), Meivorts (Valinhos-SP), Don Ramon (Campinas-SP), Drakula (Campinas-SP), Horace Green (São Paulo-SP), OneMinuteLess (Piracicaba-SP), HADZA (Campinas-SP), Ragar (Campinas-SP), Aqüeles (Campinas-SP), Fast Falling (Indaiatuba-SP), Footstep (Campinas-SP), Box47 (Campinas-SP), Inesperado (Itupeva-SP), Angry Beavis (Curitiba-PR), Last Plague (Hortolândia-SP), Mar Morto (Praia Grande-SP), SLAG (Campinas-SP), FUBE (Campinas-SP) e F.Nick (Jundiaí-SP).

Apesar de ser uma coletânea, é mais do que certo dizer que se trata de um dos melhores lançamentos do ano. É possível baixar o álbum gratuitamente clicando AQUI. Para ouvir essa maravilha sonora aperte o play abaixo. Confira novidades da Motim Records por meio de sua página no Facebook ou em seu blog.

Ouça!

Gostou desse Post? Compartilhe!

Sobre o autor

Maurício Martins

Jornalista, pai da Maria Stella, fã de quadrinhos e ficção científica. Aficionado por música, especialmente pelo punk e hardcore. Também é idealizador e editor do Nada Pop.

%d blogueiros gostam disto: