segunda-feira, 22 de outubro de 2018
Nada Pop

Bombshell Rocks e o álbum Generation Tranquilized

capa_album_bombshell

Capa do álbum Generation Tranquilized, do Bombshell Rocks

Está disponível finalmente no Brasil o novo álbum dos suecos do Bombshell Rocks que leva o nome de Generation Tranquilized. Lançado originalmente em 2014 na Europa pela Burning Heart e nos EUA pela Pirate Press, o álbum também foi lançado no Japão em meados de 2015 pela Dummy Head e agora por aqui, pela Spidermerch que traz uma versão brasileira muito foda bacana para quem curte a banda. Na versão lançada pela Spidermech existe um mini pôster da banda e vários adesivos – quando dizemos vários, leve a sério isso… mais uma vez foda!

Além dos “brindes” e com arte gráfica de primeira, que completa de forma incrível esse trabalho da banda, as 12 músicas que compõem o álbum ainda conseguem transmitir uma boa essência de street punk em melodias como “This Time Around” e “Glow is Fading” e “Scars and Tattoos”. A produção musical do álbum é feita nada mais e nada menos por Mathias Farm (guitarrista do Millencolin). Se você não conhece a banda e ficou na dúvida se o seu rico dinheiro vale ser gastado na aquisição desse álbum, fazemos agora um resumo da história da banda.

Formada em 1995, os caras já dividiram os palcos com Millencolin, Dropkick Murphys, 59 Times e US Bombs. Lançaram dois EPs por alguns selos independentes no começo da carreira, mas em 1999, com a estreia do álbum Street Art Gallery por meio do selo Burning Heart (responsável pelo Millencolin, por exemplo), teve início uma extensa turnê da banda.

Outros álbuns da banda foram lançados pela Burning Heart, mas com a saída do vocalista Marten Cedergran para se dedicar a sua carreira de tatuador, o grupo acabou perdendo um pouco do seu impacto, mas tocando sempre quando eram chamados chegando a viajar para o Japão duas vezes.

Em 2012, Marten volta para a banda trazendo nova energia ao grupo formado por Richard Andersson e Sami Korhonen (guitarristas), Mathias Lindh (baixo) e Chrille Hermansson (baterista). Com novas apresentações, turnê pela Europa e apresentações nos EUA, inclusive no festival Punk Rock Bowling ao lado de Rancid, além de voltar a tocar no Japão, talvez 2016 seja o ano que a banda aterrisse pela primeira vez em solo da América do Sul. Aguardemos!

Adquira o CD pela Spidermerch clicando AQUI.

Gostou desse Post? Compartilhe!

Sobre o autor

Maurício Martins

Jornalista, pai da Maria Stella, fã de quadrinhos e ficção científica. Aficionado por música, especialmente pelo punk e hardcore. Também é idealizador e editor do Nada Pop.

%d blogueiros gostam disto: